sábado, 30 de outubro de 2010

Brasileiros serão forçados a usar chips RFID e rastreadores GPS em seus carros

Happy 1984Image by Diodoro via FlickrBrasileiros serão forçados a usar chips RFID e rastreadores GPS em seus carros

Nova Ordem Mundial no Brasil

Infowars.com

O governo do Brasil, por trás da fachada de democracia aberta, continua a avançar seu caminho como um dos estados mais autoritários do mundo.

A população brasileira será forçada a ter muito em breve em seus carros chips de identificação (RFID), além de localizadores GPS e bloqueadores.

De acordo com diversas notícias, o governo brasileiro se apressa para mostrar até novembro de 2010 o rastreador GPS que será exigido legalmente que esteja em todos os carros a partir de fevereiro de 2011.

É incerto como isso funcionará, mas em seu artigo a Folha de São Paulo diz que o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) administrará o centro, e que ele será operado pelo Serpro (órgão do governo para o processamento de dados). Isso significa que o governo brasileiro pode acessar a localização de qualquer carro em todo o país!

O artigo na Folha de São Paulo também diz:

Para contornar as críticas daqueles que afirmam falta de privacidade, o que levou a discussão para o âmbito judicial, o ministro Márcio Fortes diz que haverá duas opções: o rastreador e o bloqueador. Isso fará o carro parar em uma dada situação, por exemplo, um ladrão parar em um semáforo, e isso será obrigatório. Por outro lado, o rastreador GPS será contratado ou não pelo usuário.

As implicações disso? Imagine isso nas mãos de um governo totalitário corrupto, que decide rotular como terroristas aqueles que discordam de suas ações. Os brasileiros deveriam se unir e rejeitar essa lei, modelada pela guerra americana contra o terror, usando segurança como pretexto para a remoção de nossa liberdade e privacidade.

Chip de identificação RFID em carros

Eu li algum tempo atrás em Portugal que seria requerido dos carros que tivessem chip de identificação RFID (rádio frequência) e eu fiquei chocado com isso. Qual não foi minha surpresa quando soube que desde 2006 nós temos uma lei que o Siniav, ou Sistema Nacional para Identificação Automática de Veículos, exigirá a instalação de chips de identificação em todos os carros e mantém uma rede de antenas leitoras, que identificam cada veículo.

Resolução de no. 212 de novembro de 2006, diz:

SINIAV consiste de placas eletrônicas instaladas nos veículos, antenas, leitores, centros de processamento de dados e sistemas de computação.

E continua dizendo que dos veículos militares não é exigido o uso, mas todos os outros veículos motores terão de estar equipados com o chip:

& 2 A utilização de veículos militares estão isentas dessa obrigação 

Artigo 2 - Nenhum veículo a motor, elétrico, trailer e semi-trailer pode ser licenciado para rodar em estradas abertas ao trânsito sem estar equipado com a placa eletrônica dessa resolução.

De acordo com o engenheiro Dario Thorbe, os dados são encriptados e confidenciais, e serão acessíveis apenas ao departamento de trânsito e eventualmente a polícia. Ahhhh, ok então, agora eu me sinto mais seguro!

Novamente o estado usando o pretexto da segurança para o povo aceitar medidas totalitárias. Gradualmente estamos vendo ao nosso redor o governo criando ferramentas que permitirão um micro gerenciamento das vidas de todos os cidadãos. Próximo ao que teremos em pouco tempo no Brasil, 1984 será muito fácil.

Fontes: Sources:

Folha de São Paulo: Governo tem pressa e quer rastreador obrigatório nos carros até dezembro
Diário do Grande ABC: Rastreador obrigatório deixa carro mais caro
Denatran: Denatran realizará Seminário sobre o Siniav
Denatran: SINIAV
Sapo Portugal: Chips nos automóveis respeitam privacidade, diz secretário de Estado
RTP Portugal: Condutores vão ter que pagar “chips” para automóveis
TVI Portugal: PCP quer revogar chips nos carros
G1: Implantação de chip em veículos será definida nesta quinta-feira (29)
Apresentação Seminário SINIAV

Nota: Junte-se a isso a recente notícia de que a partir de dezembro alguns estados da federação começarão a emitir a nova carteira de identificação com um chip embutido, constando dados biométricos dos usuários, e a lei Azeredo para a internet, e estaremos muito próximos do big brother do filme 1984.  









    


Enhanced by Zemanta

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

YouTube - The Call -- The Awakening Trilogy Pt 2

Esse vídeo contém as mensagens nova erinas que são usadas pelas sociedades secretas e pela ONU para doutrinar as pessoas da necessidade da união global para salvar o planeta (nossa mãe Terra, segundo eles) e formar um governo mundial.

Ele contém a mensagem de que a ganância, a ignorância, o ódio e o medo estão trazendo desequilíbrio e segundo a sabedoria antiga (das sociedades secretas) o equilíbrio será alcançado quando as pessoas se unirem globalmente.

Alguém percebe nisso um grande esforço para a união global em torno de um futuro Governo Mundial? Pois é isso mesmo que eles querem. E depois de formado o Governo surgirá aquele que será o governante; O ANTICRISTO, que eles tão ansiosamente aguardam.




YouTube - The Call -- The Awakening Trilogy Pt 2, posted with vodpod

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Controle da mente versus Educação

Controle da mente versus Educação

Earle Fox

Uma vez que você consiga tornar a Igreja irrelevante através da estratégia do "dividir para conquistar", é fácil controlar a mente do público através da educação estatal obrigatória.

No final de 1800 uma nova arma foi descoberta para ganhar controle sobre as liberdades inspiradas pelas três jóias da coroa [1]: o controle da mente. O controle da mente subjuga povos com mais eficácia e destrói muito menos da infra-estrutura da sociedade-alvo do que a guerra. Você convence os crédulos a gostarem de ser controlados; você vende a idéia (do controle mental) como algo necessário para a proteção, sobrevivência e conforto deles.

As técnicas de controle da mente começaram a ser desenvolvidas no final de 1800 por obra de psicólogos alemães e da nova psicologia "behaviorista", principalmente na Universidade de Leipzig, com Wilhelm Wundt. Pavlov, sob o comando de Stalin, fez alguns progressos e os norte-coreanos e chineses na década de 50 conseguiram, por assim dizer, aperfeiçoá-las [2].

Antítese absoluta do comércio, da política e da educação honestos, o controle da mente agora está sendo rotineiramente utilizado pelas agências de publicidade, pelos políticos e pelas instituições de ensino em todo o mundo (especialmente por aquelas controladas pelo governo) [3]. O controle da mente é a principal arma dos políticos globalistas e do carro-chefe deles, as Nações Unidas.

Assim, os adeptos da mentalidade controladora não perderam tempo em aproveitar as oportunidades para subjugar a população "pacificamente" (como em Admirável Mundo Novo, em 1984 e A Revolução dos Bichos) e para fazer de todos nós escravos do governo. A lavagem cerebral é eficaz precisamente porque as idéias têm conseqüências. Troque as idéias de um povo e você alterará seus objetivos e lealdades.

Uma vez que você consiga tornar a Igreja irrelevante através da estratégia do "dividir para conquistar", é fácil controlar a mente do público através da educação estatal obrigatória. A liberdade não será restaurada de maneira segura até que haja a dispersão do poder e da autoridade de tal forma que a família seja o centro da educação (e não o Estado) e do ensino religioso (não a Igreja). O papel do Estado deve ser o de árbitro para a sociedade e o da Igreja de ser o de guia da consciência e do culto. E tudo isso deve ser feito num livre mercado de idéias e não num mercado de idéias controlado pela Igreja ou pelo Estado. Na visão bíblica, essa é a maneira de Deus fazer as coisas.

Por outro lado, uma sociedade neo-pagã, que propagandeia abertamente que a verdade e a moral são relativas, nada tem em sua visão de mundo que negue os mais fortes determinam a lei e a justiça, que os poderosos devem governar os fracos, e que a sobrevivência do mais apto (mais apto sendo aquele que move as alavancas de controle) é a regra de vida. Controle, então, é o modo de vida, não a verdade ou a liberdade.

Esta nova Idade das Trevas ("Iluminismo" secular) foi provocada mais pela ignorância, incompetência e covardia judaico-cristã do que pela força do secularismo. Ela nos levou ao século XX, o mais brutal na história da humanidade, à manipuladora e enganosa destruição da verdade e da moralidade, à despersonalização da alma humana e, mais recentemente, à iminente centralização total do poder estatal, ou seja, a tirania global. Todas as três jóias da coroa estão sendo subvertidas porque a visão pagã do mundo (incluindo uma Igreja secularizada e paganizada) não pode sustentar qualquer uma delas.

A comunidade cristã só recentemente (final do séc.XX e início do séc.XXI) mostrou sinais de recuperação da sua integridade intelectual, sendo que essa recuperação ocorreu bem longe da Igreja institucional, que lhe permanece alheia em grande parte.

A maioria das pessoas não pensa filosoficamente e muito menos metafisicamente. Mas as idéias, no entanto, têm conseqüências, especialmente idéias metafísicas.
A rejeição da metafísica pelo behaviorismo foi intencional pelo menos em parte: rejeitaram-na os behavioristas que queriam livrar-se de Deus. Como um filósofo candidamente admitiu, ele não queria que Deus existisse porque Deus seria um obstáculo às suas aspirações sexuais e políticas.

Aqueles que não pensam filosoficamente, no entanto, na maioria das vezes, voltam seus olhos, com toda a atenção, para os considerados especialistas no assunto. Os cristãos perderam a guerra para o século XIX e o seguinte porque foram vistos como perdedores da guerra intelectual travada com os intelectuais seculares. Incompetentes, os cristãos não deram boas respostas a Marx, Freud, Darwin, Dewey e outros. Acima de tudo, as pessoas acharam que os cristãos perderam a batalha pela superioridade moral.

Superioridade moral é algo que quase todas as pessoas levam em conta: elas vão apoiar o grupo que parece ser moralmente superior. E todo mundo se considera um especialista em moralidade: todos acham que sabem distinguir o certo do errado logo de primeira.

De duas uma: ou a Igreja recupera a superioridade moral ou ela vai continuar falhando. E ela não vai recuperar sua credibilidade moral a menos que também recupere sua credibilidade intelectual. E isso significa, por exemplo, dar uma resposta adequada a Darwin e à evolução como explicação de por que as coisas são como são.


Notas:

[1] Para entender a lavagem cerebral leia Brainwashing: the Story of the Men Who Defied It, por Edward Hunter. As "três jóias" da civilização ocidental são a liberdade intelectual (livre-mercado de idéias, ciência), a liberdade política (a limitação do governo em favor a liberdade da população) e a liberdade econômica (economia de livre-mercado).

[2] The Leipzig Connection por Paolo Lionni - dá uma excelente introdução ao enorme (e devastador) efeito que Wundt e seu novo behaviorismo exerceram na educação americana.

[3] Leia, por exemplo, John Taylor Gatto - The Undergroun History of American Education, Thomas Sowell, Inside American Education, B.K.Eakman Education for de New World Order and Cloning of the American Mind: Erradicatin Morality through Education, Jill Carson, What are Your Kids Reading?, Samuel Blumenfed, NEA: Trojan Horse in American Education, and Is Public Education Necessary?.



Este artigo é parte do prefácio (Seção A-2-g) do livro A Personalist Cosmology in Imago Dei: Personality, Empiricism, & God, Vol.I, do Dr. Earle Fox e traduzido do site do The Inter-American Institute.

Tradução: Euclides de Oliveira Jr.

Revisão: Alessandro Cota

Fonte: www.midiasemmascara.org








Enhanced by Zemanta

Campanha Free to believe - 8min

ViewMore FromRelated VideosCommentsShareSendFavoriteTwitterFacebook
Detect language » Portuguese

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Big Brother: A internet sob vigilância

User big brother 1984Image via WikipediaCada email e website vai ser armazenado


Cada email, chamada telefônica e visita em website é para ser gravada e armazenada depois que a Coligação do Governo reviveu o controverso plano bisbilhoteiro do Big Brother

Por Tom Whitehead, Editor de Assuntos Domésticos 

Isso permitirá aos serviços de segurança e a polícia espionarem as atividades de cada britânico que usa um telefone ou a internet.

Movimentos para fazer cada provedor de comunicações armazenar detalhes por pelo menos um ano serão revelados ainda este ano provocando temores frescos sobre um retorno ao estado de vigilância.

Os planos foram engavetados pelo Partido Trabalhista em dezembro passado, mas o Departamento de Assuntos Internos está agora pronto para revivê-los.

Isso vem apesar do Acordo da Coalizão ter prometido "acabar com o armazenamento de registros de internet e email sem uma boa razão."

Qualquer sugestão de uma "super base de dados" central foi descartada, mas espera-se que os planos envolvam que os provedores armazenem todos os detalhes dos usuários por um certo período de tempo.

Isso permitirá a segurança e as autoridades policiais rastrearem cada chamada telefônica, email, mensagem de texto e visita a website feita pelo público se eles argumentarem que é necessário para combater o crime ou o terrorismo.

A informação incluirá quem está contactando quem, quando e onde e quais websites são visitados, mas não o conteúdo das conversas ou mensagens.

O movimento foi enterrado na Revisão Estratégica de Segurança e Defesa do Governo, que revelou: "Nós apresentaremos um programa para preservar a capacidade de segurança, inteligência e as agências de aplicação da lei para obter dados de comunicação e interceptar comunicações dentro do arcabouço legal apropriado.

"Esse é necessário para acompanhar a evolução tecnológica e manter as condições que são vitais para o trabalho que essas agências fazem para proteger o público."

"Dados de comunicações fornecem prova no tribunal para garantir condenações daqueles engajados em atividades que causam danos graves. Tem um papel em todas as grandes operações de contraterrorismo do serviço de segurança e em 95 por cento de todas as investigações sérias do crime organizado." 

"Vamos legislar no sentido de pôr em prática os regulamentos necessários e as salvaguardas para assegurar que nossa resposta a essa mudança tecnológica seja compatível com a abordagem do governo para o armazenamento de informações e as liberdades civis."

Mas Isabella Sankey, diretora de política da liberdade, disse: "Uma das boas vindas iniciais do novo governo era 'encerrar o armazenamento abrangente de gravações da internet e de emails'.

"Todo o esforço para acumular mais dos nossos dados sensíveis e aumentar os poderes de transformação que equivaleriam a uma significativa inversão de marcha. As terríveis ambições do grupo de tecnocratas seniores de Whitehall não devem superar a privacidade pessoal dos britânicos cumpridores da lei."

Guy Herbert, secretário geral do grupo de campanha No2ID, disse: "Nós não deveríamos ficar surpresos que os interesses dos impérios burocráticos sejam superiores a liberdade.

"É decepcionante que os novos ministros parecem continuar a tradição dos seus antecessores de credulidade."

Fonte: www.telegraph.uk.com     

Nota: Parece haver um esforço global no sentido de vigiar os cidadãos de todas as formas, as desculpas são sempre as mesmas: combate ao terrorismo, a pedofilia, a pornografia infantil e a pirataria.

No entanto, com o aparato tecnológico de bisbilhotagem eletrônica que as grandes potências possuem, inclusive o famoso Echelon, que parece servir apenas para vigiar em favor das empresas americanas como no caso da disputa comercial entre a França e os Estados Unidos pelo fornecimento de tecnologia para o programa de vigilância da Amazônia, conhecido como SIVAM, onde o Echelon gravou conversas da empresa francesa que disputava com a americana e virou um incidente diplomático muito comentado na época, bem, todo esse aparato não impediu o 11 de setembro, nem o atentado em Londres, nem em Madri. Por que eles não conseguiram se antecipar? E por que agora apontam suas baterias para os cidadãos comuns?

Quando eu digo global é porque além dos países europeus, da América e outros, aqui no Brasil já há algumas leis sendo apreciadas pelo congresso nacional cuja finalidade é bisbilhotar o que as pessoas fazem na rede. E tudo isso em nome da segurança. Até parece que os verdadeiros criminosos não sabem esconder suas pegadas digitais e dificultar ao máximo sua localização. Mas em nome da segurança seremos todos permanentemente vigiados, todos culpados até que se prove o contrário.

Aqui está o link para a lei Azeredo de controle da internet:  http://paisdaelitenews.wordpress.com/2010/10/25/internautas-sob-ameaca-lei-azeredo-conseguiram-piorar-o-que-ja-era-ruim/





              

  
  




 



Enhanced by Zemanta

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Nova Ordem Mundial - A Onu, o Governo Mundial e o Clube de Bilderberg

ViewMore FromRelated VideosCommentsShareSendFavoriteTwitterFacebook
Detect language » Portuguese

ESTADO POLICIAL 2000 OPERAÇÃO GUERREIRO URBANO ALEX JONES

ViewMore FromRelated VideosCommentsShareSendFavoriteTwitterFacebook
Detect language » Portuguese

domingo, 24 de outubro de 2010

Governo pega bebê recém nascido por causa das crenças políticas de seus pais

Governo pega bebê recém nascido por causa das crenças políticas de seus pais.

Casal que tomou parte no fórum de discussão online do Oath Keepers (Guardiões do Juramento) tem criança arrebatada em um chocante novo nível de perseguição estatal.

Por Paul Joseph Watson

Prison Planet.com

Atualização: Nós agora obtivemos uma cópia do depoimento que confirma que os Irish foram alvo parcialmente por causa de sua associação com a Oath Keepers, além do fato de que compraram armas. Aparentemente, exercitar a segunda emenda é agora justificação razoável para o estado roubar seu filho na América.

Um bebê recém nascido foi tirado dos braços de sua mãe por funcionários da Divisão de Serviços de Crianças e Família de New Hampshire acompanhados pela polícia depois que autoridades citaram a associação dos pais com a organização Oath Keepers como uma das razões primárias para a retirada, anunciando um chocante novo nível de perseguição onde as crenças políticas dos americanos estão agora sendo usadas pelo estado para sequestrar crianças.

O que era esperado ser uma das ocasiões mais felizes de suas vidas transformou-se em um pesadelo para Johnathon Irish e Stephanie Janvrin, depois que lhes foi dito pelo Diretor de Segurança e a enfermeira chefe do Hospital Concord que o bebê deles seria levado para ser checado pelo pediatra do hospital.

"Eles mentiram para nós - eles nos fizeram permitir levar nossa filha sob falso pretexto, nós nem sequer tivemos uma escolha," disse Irish. 

Quando Irish tentou impedir que sua filha fosse levada, o bebê foi imediatamente colocado em um carrinho, depois disso Irish viu três homens vestidos de terno acompanhados por oficiais da policia uniformizados bem como por detetives e assistentes sociais, que prosseguiram na tentativa de busca em Irish. 

"Eles me forçaram a ajoelhar, seguraram minhas mãos atrás das costas e deram uma tapinha nas minhas costas," disse Irish, antes a polícia me disse que eles estavam levando meu bebê.

"Minha noiva nem mesmo teve tempo de fazer um vínculo com o bebê - eles entraram e roubaram nossa criança," disse Irish. Foram dados aos pais alguns minutos com sua filha antes de serem forçados pela polícia a deixar o hospital. Irish foi subsequentemente dito que um "agente de segurança seguiria cada movimento dele.

O atestado em apoio da decisão de levar a criança, que foi verificado pela Oath Keepers, afirma, "A Divisão tomou ciência e confirmou que o Sr. Irish se associou com a milícia conhecida como The Oath Keepers," confirmando que as crenças políticas foram, entre outras razões, um dos fatores primários por trás do sequestro do bebê.

Mesmo se razões adicionais citadas no atestado, que são não comprovadas neste momento, pudessem ser consideradas razões suficientes para o estado levar o bebê, o fato de que afiliações políticas foram até mesmo mencionadas é uma denúncia de quão longe a guerra do governo aos americanos que discordam contra a autoridade avançou.

"Independentemente de outras alegações, é totalmente inconstitucional para as agências do governo listar a associação de Sr. Irish com a Oath Keepers em um depoimento em apoio de uma ordem de abuso da criança para retirar a sua filha de sua custódia," escreve o fundador da Oath Keepers Stewart Rhodes. "Fale sobre o discurso arrepiante! Se isso for permitido continuar, isso vai esfriar o discurso não só do Sr. Irish, mas de toda Oath Keepers e servirá como o camelo dentro da tenda para outras associações sendo considerado muito perigoso para os pais arriscarem. Assim, isso serve para esfriar o discurso de todos nós, em qualquer grupo que nós fazemos parte e que esses "agentes" não aprovem. Não se atreva a se associar com o grupo tal e tal, ou você pode estar na "lista" e depois os serviços de proteção à criança podem vir e levar seus filhos."

Os pais nem mesmo eram membros plenos da organização Oath Keepers, eles estavam simplesmente em uma lista de discussão relacionada ao grupo. Isso faz o caso ainda mais chocante - você nem mesmo tem de estar diretamente associado com um grupo que o governo considera ser uma "milícia" para ter seu bebê roubado - você simplesmente tem de estar envolvido em discussões online de questões relativas a Constituição e liberdade na América.

A organização Oath Keepers não é uma "milícia," como afirma o depoimento, é apenas uma rede frouxa de atuais e ex-militares e profissionais de aplicação da lei que têm jurado não obedecer a ordens inconstitucionais tais como confisco de armas, buscas sem mandado e internação em massa de americanos. O grupo está comprometido com a não violência.

Se este caso for permitido abrirá um futuro infernal para a liberdade de expressão e discurso político na América. Se pais viverem com medo de ter suas crianças roubadas pelo estado porque eles criticam o governo, os Estados Unidos podem se classificar entre as piores ditaduras da história que invocavam a ameaça de tirar as crianças das pessoas se elas falassem contra a tirania.

O fundador da Oath Keepers Stewart Rhodes anunciou que um fundo de defesa legal será criado para ajudar Irish, e que a organização, "perseguirá ativa e agressivamente para a solução jurídica e reparação."

“Vamos auxiliar na localização de conselhos locais legais competentes em New Hampshire e conselho adicional de especialistas ao redor do país sobre a primeira emenda e lei de custódia de criança," escreveu Stewart no website da Oath Keepers.

"Não pode haver liberdade de expressão, nem liberdade de associação, nem liberdade de até abrir sua boca e "falar a verdade ao poder," não há liberdade nenhuma, se seus filhos podem ser postos em sacos pretos e roubados de você por causa de seu discurso político e associações - porque você simplesmente ousa expressar seu amor ao país, e ousa expressar sua solidariedade e amizade com outros cidadãos e com militares do serviço ativo e aposentados e policiais que simplesmente prometem honrar seus juramentos e obedecem a constituição. Foi justamente para evitar tal ultrajante conteúdo baseado na perseguição de dissidentes políticos que nossa Primeira Emenda foi escrita."    

Por Paul Joseph Watson é o editor e escritor do Prison Planet.com.









        

    


 





















            

Enhanced by Zemanta

sábado, 23 de outubro de 2010

The Obama Deception HQ Full length version

ViewMore FromRelated VideosCommentsShareSendFavoriteTwitterFacebook
Detect language » Portuguese

As 4 fases do Projeto Blue Beam